Relit-Rom

Revisões literárias: a aplicação criativa de romances velhos (sécs. XV-XVII)

 

 

Engaste

Edição diplomática do contexto do engaste

ſen. Moro alcayde, moro alcayde | el de la barba velhida | ſeu por vos não for metida | nel caſtilho de belſayde | dou Alfama por perdida

Edição diplomática do engaste

Moro alcayde, moro alcayde | el de la barba velhida | ſeu por vos não for metida | nel caſtilho de belſayde | dou Alfama por perdida

Edição moderna do contexto do engaste
Sensualidade   Moro alcaide, moro alcaide | el de la barba vellida | s’eu por vós não for metida | nel castilho de Belsayde | dou Alfama por perdida.
Edição moderna do engaste

Moro alcaide, moro alcaide | el de la barba vellida | s’eu por vós não for metida | nel castilho de Belsayde | dou Alfama por perdida.

Referência da identificação do engaste

Vasconcelos, Carolina Michaëlis de, “Estudos sobre o Romanceiro peninsular. Romances velhos em Portugal”, Cultura española, VIII, 1907, p. 1057.

Idioma do engaste
  • Português
  • Espanhol

Autoria

Autor do engaste
António Prestes
Tipo de assinatura do autor
  • Identificada
Ano de nascimento do autor
Desconhecido
Ano de falecimento do autor
Desconhecido
Século de atividade do autor
  • XVI
Notas sobre o autor

Composição ou secção quadro

Título da composição ou secção quadro

Avto feyto por Antonio Prestes, chamado da Ave Maria

Incipit  da composição ou secção quadro

Dia. Dvas affrontas, ambas atadas

Género literário da composição ou secção quadro
Dramático
Idioma da composição ou secção quadro
  • Português
  • Espanhol
Referência da edição moderna

Prestes, António, Auto da Ave Maria, Centro de Estudos de Teatro, Teatro de Autores Portugueses do Séc. XVI, www.cet-e-quinhentos.com [21/09/2018].

Reelaboração discursiva do verso de origem do engaste
Sim
Reelaboração semântica do verso de origem do engaste
Paródica

Obra

Referência da obra

Primeira parte dos avtos e comedias portvgvesas feitas por Antonio Prestes, & por Luis de Camões, & por outros Autores Portugueses, cujos nomes vão nos principios de suas obras. Agora nouamente juntas & emendadas nesta primeira impressão, por Afonso Lopez, moço da Capella de sua Magestade, & a sua custa. Por Andres Lobato Impressor de Liuros, Anno 1587, fol. 14v.

Género literário da obra
  • Dramático
Idioma da obra
  • Português
  • Espanhol
Notas à obra

1. Apesar de não se encontrar indicado o local de impressão desta obra, Artur Anselmo afirmou provirem de Lisboa todas as impressões de Andres Lobato (Origens da imprensa em Portugal, Lisboa, Imprensa Nacional - Casa da Moeda, 1981).

2. Esta obra encontra-se disponível na coleção digital da Biblioteca Nacional de Portugal, http://purl.pt/23692 [20/07/2018].

Proveniência textual antiga

Verso do romance de proveniência

Moro Alcayde Moro Alcayde | el dela barua vellida | el rey os manda prender | porque Alhama era perdida | si el rey me manda prender | porque es Alhama perdida

Moro Alcayde Moro Alcayde, | el de la vellida barba, | el Rey te manda prender, | por la perdida de Alhama (HVZ1595)

Incipit do romance de proveniência

Moro Alcayde Moro Alcayde | el dela barua vellida

Moro Alcayde Moro Alcayde, | el de la vellida barba (HVZ1595)

Testemunhos antigos do romance

Livros

Cancionero de Romances en qve estan recopilados la mayor parte de los Romances Castellanos que hasta agora se han compuesto. Nueuamente corregido emendado y añadido en muchas partes. En Enveres, En casa de Martin Nucio, 1550, fol. 194v (Cancionero de Romances de 1550, edición facsímil, estudio de Paloma Díaz–Mas, coordinación de la edición de José J. Labrador Herraiz, México, Frente de Afirmación Hispanista, A. C., 2017).

Cancionero de Romances en que estan recopilados la mayor parte de los Romances Castellanos, que hasta agora se han compuesto. Nueuamente corregido, emendado, y añadido en muchas partes. En Anvers, En casa de Martin Nucio, a la enseña de las dos Cigueñas, 1555 (reproduz a edição de Martin Nucio, 1550).

Cancionero de Romances en que estan recopilados la mayor parte de los Romances Castellanos, que hasta agora se han compuesto. Nueuamente corregido, emendado, y añadido en muchas partes. En Anvers, En casa de Philippo Nucio, 1568 (reproduz a edição de Martin Nucio, 1550).

Cancionero de Romances. En que estan recopilados a mayor parte delos Romãces Castellanos, que hasta agora se han compuesto. Nvevamente corregido, emendado, y añadido en muchas partes. Impresso com licencia del supremo Consejo, En Lisboa, En casa de Manuel de Lyra, 1581 (reproduz a edição de Martin Nucio, 1550).

HVZ1595: Historia de los vandos de los Zegries y Abencerrages Caualleros Moros de Granada, de las Ciuiles guerras que huuo en ella, y batallas particulares que huuo en la Vega entre Moros y Christianos, hasta que el Rey Don Fernando Quinto la ganò. Agora nvevamente sacado de vn libro Arauigo, cuyo autor de vista fue vn Moro llamado Aben Hamin, natural de Granada. Tratando desde su fundacion. Tradvzido en castellano por Gines Perez de Hita, vezino de la ciudad de Murcia. Con Licencia y Priuilegio. En Çaragoça. Impresso en casa de Miguel Ximeno Sanchez. 1595. A costa de Angelo Tabano, fol. 251v.

Posição do verso no romance
  • Incipit

Tradição Oral Moderna

Título e IGR do romance
0055 - Moro alcaide
Presença do romance na tradição moderna portuguesa
Não
Presença do romance nas restantes tradições modernas pan-hispânicas
Não
Notas sobre a tradição oral moderna